Consumos eléctricos em “stand-by”

12 03 2009

stand-by

 

Quando deixamos a televisão, o DVD ou outro aparelho ligado a corrente e preparado para ser ligado através do comando, dizemos que o aparelho está em “stand-by”

 

Sempre que deixamos um aparelho em modo “stand-by” existe consumo de electricidade, este varia muito de aparelho para aparelho, existindo alguns que tem consumos residuais e outros que tem consumos consideráveis. Tomando por exemplo o televisor, este pode ter um consumo em modo “stand-by” que poderá ir até os 30W. Contudo, em termos médios o consumo do televisor rondará os 10W.

 

Para o caso anteriormente referenciado, TV a consumir 10W em modo “stand.by”, vou fazer um cálculo simplificado para saber qual é o impacto económico desse hábito A utilização média da televisão rondara as 4 horas diárias nos nossos lares, assim o aparelho ficará em “stand-by” cerca de 20 horas diárias. Para obtermos o custo temos de multiplicar os 10W (0.010KW), pelo número de horas no dia em “stand-by” 20h, pelo número de dias (365) e pelo custo da electricidade 0.12€/KWh, assim vamos obter o custo anual de deixar a TV em modo “stand-by”.

 

0.01x20x365x0.12=8.76€

 

Como podem ver a comodidade de deixar a TV em modo “stand-by” tem um custo associado! Se a isso somarmos outros aparelhos como DVD, powerbox, micro-ondas, etc. poderão concluir que gastamos indevidamente 20€ de electricidade por ano.


Ações

Information

5 responses

12 03 2009
Alberto João

Olá caro amigo.
Sou um leitor muito atento às suas ideias, quero-lhe dar os parabéns, pois dava um belo político… Hugo Louçã assenta-lhe bem.

Avante camarada avante… PCP sempre!

13 03 2009
Sérgio Neves

E isso em apenas uma habitação, imaginem centenas de milhar. A intenção de reduzir o consumo está directamente ligada ao plano de Quito, ou seja, é urgente diminuir as emissões de Co2.

Abraço Hugo

17 03 2009
Filipe Fernandes

Caro Hugo,
O artigo, acerca do qual falas do custo associado ao modo stand-by dos aparelhos domésticos é de todo um assunto importante. Para quem não estava informado acerca dos custos ficou a saber.
Há no entanto associações ao tema que deviam ter sido mais expostas, tais como a vivência em sociedade e preservação do meio ambiente. Estes são realmente os pontos chave. E isto porquê? Porque se for pelos 20€ eu não irei dar-me ao trabalho de todos os dias, várias vezes ao dia, desligar os aparelhos da ficha eléctrica. Na verdade eu pagaria os ditos 20€ para não o fazer! Chamem-me preguiçoso se quiserem… mas a verdade é essa.

Continua com os bons temas que nos tens apresentado
Cumprimentos,Filipe Fernandes

4 12 2011
Nuno

Ola. Gostava de saber se é mito ou é verdade que acender e apagar com frequencia uma lampada sobretudo das económicas, custa mais que mantê-la acesa durante X tempo?
Obrigado e cumprimentos

26 12 2011
Hugo Lagido

Bom dia,

Acender e apagar com frequência lampadas económicas, não representa nenhum problema. Esse problema é aplicavel a lampadas flourescentes, sobretudo modelos mais antigos que apresentam uma arranque mais lento.

Cumprimentos,

Hugo Lagido

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: