Energia das Ondas

7 11 2009

Energia das Ondas

Aproveitando a energia cinética e potencial, resultante do movimento oscilatório das ondas marítimas, consegue-se retirar uma quantidade significativa de energia. Neste momento é uma tecnologia que ainda está em crescimento e suscita pouco interesse no ponto de vista económico. Por outro lado, é uma tecnologia limpa e pode contribuir para a diminuição da emissão de CO2 e consumo de petróleo.

A nota de curiosidade, as ondas têm por origem o vento e por sua vez o vento tem por origem o sol, isto é, o aproveitamento da energia das ondas é o aproveitamento indirecto da energia solar.

Em Portugal, nomeadamente na Aguçadoura (Póvoa de Varzim), está instalado um projecto-piloto, uma máquina que aproveita o movimento oscilatório das ondas, sendo capaz de produzir até 750kW de potência. Segundo fonte oficial da Câmara da Póvoa do Varzim, o objectivo passará por instalar 25 dispositivos deste género, capazes de produzir até 21MW, podendo assim fornecer energia eléctrica a cerca de 15 mil famílias e contribuir para a diminuição de 60 mil toneladas por ano de CO2.

Esperemos que este tipo de aproveitamento de energia se comece a massificar em Portugal.


Ações

Information

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: